- Publicidade T -

Doença por muitas vezes subestimada, a Insônia se não receber a atenção devida e tratamento pode resultar em problemas sérios para o paciente, entre eles: Derrame, infarto e hipertensão, diabetes, entre outros.
Estima-se que um a cada cinco adultos sofram com esse distúrbio.

Durante muito tempo, talvez isso não aconteça mais hoje em dia, mas por anos a noite as mães soltavam a famosa frase quando seus filhos teimavam em não dormir: Conta carneirinhos até dormir!. A cena de carneirinhos pulando uma cerca, um a um, em um cenário quase que infinito e de certa forma reconfortante sempre foi um trunfo para se conseguir dormir, sua eficácia talvez nunca tenha sido confirmada, mas o importante é que se acreditava, e certamente muitos tentaram essa técnica.
Depois quando já se está um pouco mais velho a insistência por não dormir é por querer assistir aquele programa que passa super tarde na televisão ou então por ter a chance de ficar noites a dentro navegando na internet, jogando video-game.
Aí a idade vai passando e o fascínio pela madrugada chega para o jovem junto com as baladas, dormir é algo fora de questão quando se pode aproveitar esse tempo para outras atividades, ‘‘dormir é para os fracos’’ diz o lema de algumas pessoas.
Adiar o sono não é algo novo, acontece desde que sequer existiam cama provavelmente. O grande problema é que nosso corpo foi feito para dormir, é um estado de descanso absoluto para compensar o esforço que nosso organismo faz durante o dia, essa é a natureza do homem. o estado de sono é imprenscindível. Infelizmente pra muitas pessoas não é assim, o que antes era uma vontade por não dormir, desde lá atrás quando nossa mãe nos mandava contar carneirinhos, hoje se transforma em uma doença que pode nos atrapalhar muito acarretando outros problemas ainda muito piores de saúde.
Demorar para pegar no sono, acordar durante a noite ou sentir que o sono não foi reparador são alguns dos sinais que podem ajudar no diagnóstico de insônia. Estima-se que um a cada cinco adultos sofram com esse distúrbio. A insônia é um distúrbio persistente que prejudica a capacidade de uma pessoa adormecer ou, ainda, de permanecer dormindo durante toda a noite.
E quando dizemos que a insônia se trata de um distúrbio persistente, podem acreditar que não se trata de força de expressão, especialistas afirmam que se não tratada, a insônia pode durar a vida toda.
Pessoas com insônia geralmente começam o dia já se sentindo cansadas, têm problemas de humor e muita falta de energia com o desempenho no trabalho ou nos estudos prejudicado por causa deste distúrbio. A qualidade de vida da pessoa, em geral, costuma ficar comprometida pela insônia.
Muitos adultos apresentam insônia em algum momento da vida, mas algumas pessoas têm insônia crônica, que pode perdurar por um período de tempo muito maior do que o normal.

A insônia pode ser, ainda, um distúrbio secundário causado por outros motivos, como doença ou uso indevido de medicação. Por isso nunca é demais lembrar dos riscos de perigo da auto-medicação, a própria insônia possui um tratamento específico é importante sempre procurar ajuda médica, de um especialista, por muitas vezes a insônia é tratada com algo passageiro que com o tempo irá desaparecer, porém não é assim tão simples.

- Publicidade In -

insonia 2

Uma pessoa com insônia, muitas vezes, pode levar 30 minutos ou mais para adormecer e pode dormir por apenas seis horas ou menos a partir de três noites por semana por mais de três meses. Uma pessoa com depressão pode dormir mais do que o normal e pode também não conseguir dormir, simplesmente. esse é comum em casos de insonia; A ansiedade diária, bem como transtornos graves de ansiedade, pode atrapalhar o sono. Preocupar-se com a dificuldade que terá para dormir também pode levar à insônia mais facilmente.

Estresse Preocupações relacionadas ao trabalho, estudos, saúde ou família podem manter sua mente ativa durante a noite, o que dificulta na hora de adormecer. Acontecimentos provocadores de grande estresse, como morte ou adoecimento de um ente querido, divórcio ou perda de emprego também podem desencadear episódios de insônia.
Muitos medicamentos podem interferir na capacidade de uma pessoa adormecer ou permanecer dormindo, incluindo antidepressivos, remédios para controle da pressão arterial, antialérgicos, estimulantes e corticosteroides. Outros medicamentos que contenham cafeína e outras substâncias estimulantes também podem desencadear em insônia.
Comer um lanche leve antes de dormir é recomendado, mas comer demais pode fazer com que uma pessoa se sinta fisicamente desconfortável na hora de deitar, o que pode dificultar na hora de adormecer.
Não importa qual a sua idade, tenha sempre em mente que insônia tem solução. A chave para tratar o distúrbio encontra-se justamente em adequações em sua rotina durante o dia e quando você vai para a cama. Bons hábitos de sono ajudam a restabelecer o sono saudável.

insonia 3

Confira dicas básicas:

• Pratique exercícios e permaneça ativo. Atividade física ajuda a promover uma boa noite de sono.
• Evite cochilos durante o dia. Sonecas distribuídas ao longo do dia podem dificultar na hora de adormecer à noite. Se for tirar um cochilo, certifique-se de este não passará de aproximadamente 30 minutos e não ocorrerá após as três horas da tarde.
• Evite ou limite o consumo de cafeína e álcool. Corte o uso de nicotina. Essas substâncias são estimulantes e podem tornar o adormecer mais difícil.
• Se estiver sentindo dores, procure fazer uso de analgésico. Estar confortável e relaxado é imprescindível para uma boa noite de sono.
• Regularize seu relógio biológico, estabeleça um horário fixo para dormir e acordar preocupando-se sempre na quantidade de horas dormidas.

Se você tiver sintomas de insônia e eles estiverem prejudicando suas atividades diárias e seu desempenho no trabalho ou nos estudos, procure um especialista para determinar o que pode estar causando o problema e saber como ele pode ser tratado.

Entre as especialidades que podem diagnosticar insônia estão: Clínica médica, Neurologista, Medicina do sono, Psiquiatria.

- Publicidade B -
COMPARTILHAR
Artigo anteriorGUSTTAVO LIMA, a revelação do sertanejo universitário!
Próximo artigoCarros… Fixação do brasileiro
Olá eu sou a Tatiane Bertolino apaixonada pela profissão e fã de carteirinha da notícia já trabalhei como Repórter na Rede Record. Comecei a carreira em 2008 quando cursava a faculdade de Jornalismo, na Universidade de Guarulhos. Realizei vários cursos no SENAC sobre reportagem, assessoria de impressa entre outros como comunicação e marketing pela FGV. Fiz estágio em agências de comunicação e em 2011 tive o privilégio de se formar. Sou Apaixonada por chocolate, adoro ir ao cinema, viajar, Dançar, malhar, cozinhar e amo ler mesmo que for bula de remédio, rs Amo fazer amizades e sou apaixonada pelas pessoas e pelas historias de vida delas..Sempre da pra aprender com o outro,pelo menos penso assim! Tenho uma filha de 4 patas a Lunna meu xodó! Sou apaixonada pelos meus afilhados a Isa de 9 anos e Matheus de 7 meses! Se eu sou coruja? Hum!! Muito, rs Já trabalhei como Assessoria de Impressa e em seguida como Repórter (que é uma das minhas Paixões amo TV) Com uma visão empreendedora em 2014 montei a Revista Tempos Modernos onde era redatora chefe e responsável por toda a comunicação da Revista. Em 2017 montei o Portal de Comunicação Tempo Modernos um portal cheio de notícias e novidades para leitor e empresários de Guarulhos e regiões. A Revista Tempos Modernos tem a obrigação de mostrar aquilo de mais importante que acontece. Trabalhamos com maior dedicação para levar ao nosso leitor a informação de forma concreta e correta assim ao longo desses 3 anos conseguimos o prestígio tão desejado; agora com o Portal Tempos Modernos acreditamos que não será diferente. Temos profissionais qualificados em nossa equipe que colaboram para nosso sucesso diariamente. No momento estou cursando uma Pós Marketing Empresarial! Nascimento: 21 novembro 1987 Idade: 30 anos Profissão: Jornalista

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

não sou robo *